ola

Menu

sábado, 8 de novembro de 2014

IRAI - Multiplicação

[Figura-1] Ninho de Irai
Uma abelhinha simpática, tranquila, tímida e muito mansa, mas muito mansa mesmo é a IRAI.

Ela é tão mansa e tímida, que quando aproximamos da entrada da caixa, elas simplesmente correm para dentro, se escondem, fato impressionante.

Hoje ( 08/11/2014 ) abri a caixa matriz para dar uma inspecionada e não é que deparei com os discos de cria maduros em cima, praticamente grudados na tampa da  caixa ( figura-1 ) !


[Figura-2] Discos de cria
Pronto, não perdi tempo, parti logo para uma divisão, a qual foi realizada de forma rápida e eficiente, pois quando os discos maduros estão em cima, fica muito fácil fazer a divisão ( isso é válido para qualquer espécie de ASF ( Abelhas Sem Ferrão ).

Os discos dessa espécie de abelha, são elicoidais ( vejam na figura-2), ou seja, quando vamos retirar os discos maduros, vai chegar num ponto que irá romper, diferentemente da mandaçaia por exempo, os discos são únicos ( mais fácil de separar ).

[Figura-3] Caixa INPA 15x15

Esse enxame de Irai que foi dividido, está alojado dentro de uma caisa INPA 15x15, com dois módulos para ninho e um para nmelgueira.

Essa espécie produz muito pouco mel e sua cera geralmente é mais ressecada e quebradiça, diferente da Jatai, que é bem mais macia.







[Figura-4] Entrada da Irai


A entrada da caixa para a Irai precisa ser um pouco mais larga ( figura-4 ), isso para dar maior flexibilidade de entrada e saída das operárias. Se a entrada for muito estreita, elas ficam "trombando" com a madeira.  Elas vem voando e praticamente "caem" para dentro da caixa, por isso a entrada precisa ser mais larga.

É uma abelha que não incomoda ninguém, de tão mansa e quieta que ela é, não é territorialista ( diferente da jatai, que fica perturbando os outros enxames e é muito territorialista ), portanto pode conviver ao lado de outras espécies sem problemas.

[Figura-5] Conjunto de caixas
É o que podemos ver na figura-5, a Irai convivendo com enxames de Mandaçaia e Mirim's.

Muito bacana essa espécie de abelha.